Mundo Sindical Correios

Mundo Sindical Correios

Correios apresenta proposta para os trabalhadores pagarem Mensalidade do Postal Saúde !!!!




Correios tenta maquiar a situação financeira da empresa com aumento do custeio do plano de saúde aos seus empregados


Em continuidade aos estudos da Comissão paritária que trata sobre o plano de saúde que tem por intuito apresentar propostas a ser encaminhadas as assembleias  sobre a sustentabilidade e melhoria do plano de saúde, no dia de hoje, 05/01 (quinta-feira),  os Correios apresentaram a proposta de custeio para o plano de saúde, após ter adiado por diversas vezes a apresentação deste tema.

Como já denunciado pelas representações sindicais a empresa consolidou oficialmente sua proposta de custeio com a implementação de mensalidade, arcando os empregados com 50% das despesas totais do plano de saúde, e cada empregado pagaria uma mensalidade calculada por dependente, além de um compartilhamento de 10% a 30% das despesas de cada procedimento.

Em resumo, a grande maioria dos empregados sequer teria condições de arcar com estas despesas do plano de saúde, e os Correios enterra um dos melhores benefícios dos seus empregados.

Cabe destacar, que os benefícios, a exemplo, a assistência médica sempre compensaram os baixos salários praticados à ampla maioria dos seus empregados (as), e com a bomba jogada, a empresa sequer cogitou melhorar os salários dos seus empregados.

Durante os estudos da Comissão pode ser facilmente constatado que o plano de saúde não é o culpado pela debilidade financeira dos Correios.

Durante os estudos foram constatada várias ações desastrosas da administração dos Correios, além de várias práticas delituosas por parte da gestão da operadora do plano, a Postal Saúde, culminando na dilapidação das reservas financeiras da estatal.

O que se vê na prática é a intenção de recuperar o lucro da empresa  jogando nas costas dos trabalhadores (as) a responsabilidade para arcar com má gestão e o esvaziamento dos cofres da empresa.

Os Correios apesar de ultimamente sofrer com a marketing negativo pela divulgação dos prejuízos financeiros e perda dos prazos de entrega aos clientes,  seus empregados (as) se empenham o máximo, apesar do descaso da administração, em buscar um padrão de qualidade dos serviços desta empresa.

A apresentação  da proposta de custeio para o plano de saúde é maquiar a situação financeira dos Correios com uma suposta correção do custeio do plano de saúde, e conforme destacado durante todo o processo de estudos da Comissão paritária o problema dos Correios não está limitado no custeio de plano de saúde, que aliás é um dos menores problemas financeiros, já que nunca o plano de saúde alcançou sequer 10% da receita da empresa.


É importante que todos os trabalhadores (as) se mobilizem no sentindo de barrar tamanho absurdo que está sendo proposto pela ECT em defesa do nosso plano de saúde!


Suzy Cristiny da Costa- Representante da Fentect na Comissão Paritária.


Proposta de Custeio Correios Saúde (05-01-17 Revisada)





Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.